Principais insights deste artigo:

  • As 10 principais tendências de marketing que afetam a forma como os clientes compram hoje.
  • As táticas de marketing com maior probabilidade de sucesso em 2020.
  • Como os dados têm impacto na relação com os clientes.

Os líderes de marketing procuram com regularidade novas fontes de dados, conhecimento de valor acrescentado, que permita que as suas iniciativas e campanhas possam ser mais personalizadas, desenvolvidas de acordo com as necessidades dos clientes, em tempo real e através do canal certo.

Neste artigo, trago a opinião de 10 profissionais do mercado do marketing em Portugal e no estrangeiro, com o objetivo de mostrar, não só, quais as tendências do setor para 2020, mas também, o que devemos ter em conta este ano, que armadilhas devemos evitar e em que áreas temos mesmo que apostar, para que as nossas empresas se tornem líderes.


Auditoria Digital e Tecnologia de Marketing

FREDERICO CARVALHO
CEO DIGITALFC

Em 2020, acredito que os profissionais de marketing vão continuar a explorar inovações em diferentes canais e a reforçar a especialização em email-marketing, redes sociais, marketing nos motores de pesquisa, entre outros – metodologias e ferramentas que fazem já parte do dia a dia de um profissional do setor.

Na área digital, o Facebook e a Google dominam as preferências dos anunciantes. Um porto seguro para a publicidade, que em muitos países representa já a maioria das preferências na alocação de investimento face aos meios tradicionais.

Para ter sucesso no marketing como um todo, é necessário ter uma visão de futuro e informações relevantes sobre como integrar as últimas tendências numa estratégia existente.

Marketing orientado por dados

O Marketing orientado por insights e por uma análise rigorosa de dados, precisa de ganhar um maior impulso em 2020: não basta ter dados. É essencial saber interpretar e traduzir essa informação em resultados práticos, úteis para o desempenho dos negócio, por forma a melhorar os resultados do marketing e de outras áreas que lhe estão associadas, como é o caso das vendas.

Melhorar o marketing orientado por dados é um objetivo cada vez mais concreto de muitas empresas (e ainda bem!), que pretendem perceber com clareza a sua performance digital e acompanhar de perto métricas como:

  • Previsão de tráfego;
  • Posição Média SERP;
  • Concorrência SERP;
  • Autoridade do Domínio;
  • Autoridade da Página;
  • Acompanhamento de Backlinks;
  • Velocidade no Site;
  • Taxa de Engagement nas diferentes redes sociais;

A execução de uma Auditoria Digital, será cada mais relevante.

Marketing & Tecnologia (Martech):

Atualmente, estão mapeadas mais de 8.000 ferramentas tecnológicas que podem ser utilizadas por um marketeer no seu trabalho. A título de exemplo, e para termos noção, se decidíssemos explorar 5 destas ferramentas por dia (e tendo em conta que um ano tem 365 dias), precisávamos de mais de 4 anos para as conhecer todas. Uma tarefa impossível, sobretudo se pensarmos que surgem ferramentas novas todos os dias.

A enorme oferta tecnológica existente, deixa qualquer profissional indeciso no momento de optar por um outro software para satisfazer as necessidades da sua empresa. Por isso, cada vez mais, este mercado precisa de profissionais mais especializados, capazes de orientar as empresas na sua estratégia e na escolha de plataformas que tragam eficiência à gestão das redes sociais, investimento pago, suporte ao cliente, entre muitas outras áreas.

Neste âmbito, há um termo que, apesar de não ser novo, vai estar cada vez mais presente no nosso dia a dia: Martech (o conjunto das principais ferramentas e métodos que utilizam a tecnologia para atingir metas e objetivos de marketing).

Ao integrar plataformas e dados relevantes em todas as fases da jornada do cliente, a Martech permite que as empresas criem estratégias mais inteligentes com base no que está a funcionar, otimizando processos e identificando formas de tornar as suas comunicações de marketing o mais personalizadas possível.

Saber as prioridades para mapear uma jornada digital do cliente, as regras de personalização de conteúdo e as áreas que envolvem reconhecimento da marca e experiência do cliente, é muito importante para um profissional do setor.

Se sua empresa e as agências com quem trabalha, adotarem a combinação certa da Martech, poderá ter uma vantagem concorrencial, para não perder insights, processos de automação e os temas que marcam a atualidade, tais como:

  • Automação PPC;
  • O impacto da IA ​​no PPC;
  • SEO multilíngue;
  • SEO Integrado;
  • Marketing de conversação;
  • Privacidade do consumidor;


Vídeo vertical, silencioso e o marketing do TikTok

ines mateus loreal

INÊS MATEUS
Brand Director @L’Oréal

logo loreal

Ver Inês no Linkedin

2020 será mais um ano de V-I-D-E-O, não uma tendência mas uma certeza incontornável que, como gestores de marketing e de conteúdo, nos desafia a pensar além do formato ou da plataforma em si. Numa era em que o Video On The Go é um verdadeiro snack de conteúdo devorado em qualquer esquina e momento, e plataformas Video-first como Tik Tok e Firework se afirmam como o playground digital das novas gerações, All Things Video is the New Content Marketing! Partilho 3 breves reflexões para nos desafiar nas nossas estratégias de marketing digital em 2020:

Formato e Narrativa Vertical

94% dos utilizadores utiliza o smartphone na vertical, pela facilidade de acesso ao teclado e escrita, menus de utilização ou caixa de comentários. Inicialmente olhado de lado, o formato vertical instalou-se, o que nos leva a questionar se existe uma narrativa-chave e quais as variações em função da amplificação (orgânica ou paga).

Marketing on Mute

92% dos vídeos vistos no smartphone acontecem em modo silencioso! Mais do que nunca, a clareza e atratividade visual são chave para passar a mensagem. E, claro, não se dispensam legendas.

Shoppable Videos

Tik Tok confirmou estar a testar o formato de Shoppable Videos junto de uma comunidade de Influencers norte-americanos. Se esta funcionalidade se confirmar, o formato vídeo assume uma nova faceta no panorama de Social Commerce. A acompanhar de perto!


Instagram Marketing: Seguidores e hashtags

jeff bullas marketing

JEFF BULLAS
Speaker | Top 10 Influencer of CMO’s globally


Ver Jeff no Linkedin

À medida que as pessoas transferem grande parte de seu envolvimento social do Facebook para o Instagram, o foco no crescimento de seguidores e do tráfego no Instagram está a tornar-se vital. E, consequentemente, o Instagram é agora uma das redes sociais que mais cresce

Então, quais são suas 2 principais táticas que deve implementar?

Tática número um:
Comece a aumentar seus seguidores no Instagram. Uma das principais ferramentas para conseguir isso é o Kicksta.

Descubra mais sobre a ferramenta aqui

Tática número dois:
Fique mais esperto com o uso de Hashtags para obter mais tráfego e engajament no Instagram. Uma das melhores ferramentas para isso é o HashtagsforLikes.

Saiba mais sobre a ferramenta aqui.

Aqui estão alguns ótimos recursos adicionais para aprender a crescer rapidamente seguidores e engagement no Instagram.

The Ultimate Guide to Instagram Marketing for Business
What Are Instagram Bots and How they Can Negatively Affect Your Account?

Descubra mais recursos de marketing digital e crescimento de negócios em Jeffbullas.com

Um livro que eu recomendaria em 2020 como uma leitura obrigatória é “The Lean Startup”, de Eric Ries


A opinião dos clientes e a pesquisa local

KELLY COOPER
Diretor, Lifecycle Marketing MOZ

logo moz

Ver no LinkedIn

As opiniões públicas dos clientes nos canais digitais, sinalizam confiança e autoridade e essa informação é cada vez mais relevante para os negócios.
É também, um importante fator de classificação dos motores de pesquisa, para melhorar a classificação na pesquisa local. Os resultados locais são apresentados a pessoas que pesquisam empresas e locais perto da respetiva localização.

Os profissionais de marketing digital vão expandir o seu trabalho com mais pedidos de avaliações, gestão de comunidade, marca e confiança.
As avaliações têm impacto nos resultados da marca, aumentam CTRs e, finalmente, facilitam o tráfego orgânico.


Marcas com propósito e a Jornada do Cliente

luis spencer freitas - marketing

LUIS SPENCER FREITAS
Director of Omnichannel
@Moet Hennessy LVMH

logo lvmh

Ver Luis no LinkedIn

Quando tento pensar no que os Marketeers se devem focar no ano 2020, a única palavra que me vem a cabeça é “propósito”.
Os consumidores estão completamente inundados de marcas, que tentam ganhar a sua atenção. Neste sentido, as marcas têm de perceber qual o papel que desempenham na vida dos seus consumidores e como isso lhes traz vantagem competitiva num mar onde há muito do mesmo.

Além disso, o consumidor começa a ser mais consciente do seu valor para as marcas: com tópicos como privacidade de dados cada vez mais sob o foco dos media, o consumidor começa a entender que as marcas têm tanta informação (ou deveriam ter) sobre ele, que direcionar publicidade não é difícil. Por isso, rapidamente o consumidor vai começar a distinguir quais as marcas que sabem respeitar o seu tempo versus as marcas que continuam a tentar alcançar clientes de olhos vendados.

Se eu tenho um conselho para qualquer marketeer no ano de 2020, seria este: Percebam qual o papel que a vossa marca tem na vida do vosso consumidor.

Com isto em mente, comecem a perceber qual é a consumer decision journey que querem influenciar e como a vão executar, utilizando os canais que fazem sentido para essa jornada. Num mundo de oportunidades infinitas, as marcas que sabem providenciar um propósito para a sua existência na vida do consumidor de forma tangível, serão as marcas que o consumidor irá conseguir memorizar.

Por fim, tudo isto é fundado em dados.
Mas quando falo de dados, não penso em big data ou outras noções ultrapassadas, que assumem que ter todas a informações possíveis sobre um consumidor é o Holy Grail do Marketing.

Pensem, qual a informação que precisam de saber sobre o vosso consumidor para entregar valor acrescentado às vossas interações com esse mesmo consumidor – se saber onde o consumidor mora vos permite ser mais relevantes, então faz sentido tentarem descobrir isso; se essa informação é um nice-to-have ou não sabem que aplicação irá ter, então esses dados não são importantes para o que estão a tentar fazer.

Resumindo: 2020 é o ano em que as marcas têm de ter a certeza que sabem qual o seu propósito para o consumidor, qual a consumer decision journey que estão a afetar e quais os dados que precisam para serem relevantes para o consumidor. Se sabem as respostas a estas 3 perguntas, 2020 vai ser um ano ótimo para vocês!


Storytelling, Proximidade e Influenciadores

MARTA CAEIRO
Marketing & Communications Director ViacomCBS Portugal – MTV & Nickelodeon


Ver Marta no Linkedin

Content is King, Distribution is Queen

Desenvolver uma estratégia de Content Marketing com um bom Storytelling, com relevância e a cadência certa, nos canais adequados é essencial. Não cria apenas awareness mas sim constrói confiança e cimenta o Marketing Relacional com o Target.

Making our Audience the HERO

Quer na MTV, quer no Nickelodeon confiamos cada vez mais nesta fórmula. O nosso target é o nosso Herói, acreditamos muito que o nosso target deve viver uma experiência de marca positiva, deve poder fazer parte da campanha, do programa, da música, do conteúdo. Queremos estar presentes na sua vida em vários momentos e de várias formas, sempre próxima e relevante.

Nurture the right Social Influencer Network

Macro ou Micro-Influencers no universo digital já não é tudo sobre os números, é importante criar relação, a autenticidade é fundamental, ser organico tem mais valor, não perder o momento na conversa é essencial e a adequação na distribuição é determinante.

MARTA RECOMENDA:

Um Livro – “Bowie – Uma Biografia”:

Lê-se numa tarde ao sol e tem ilustrações incríveis!

David Bowie será sempre o meu artista de eleição e diz-me muito na música, na moda, na arte, na cultura, na vida, é galático.


Marketing Conversacional: apoio ao cliente rápido e personalizado

PAULO PIMENTA
Owner & CEO @KuantoKusta

logo kuantokusta

Ver Paulo no LinkedIn

Hoje em dia é fundamental que a estratégia de marketing assente numa forte componente analítica e de contacto com a audiência. O foco deve estar cada vez mais em trazer valor ao cliente e dar uma resposta rápida aos seus problemas – Desta forma acredito que marketing conversacional será uma das grandes tendências para 2020.

A ascensão desta área obrigará as empresas a prestarem um apoio mais rápido e personalizado, mas também levará a uma maior aprendizagem e recolha de dados. O grande desafio estará no balanço do uso de ferramentas de inteligência artificial e na humanização/personalização da interação com o cliente. 

O panorama de marketing está em constante transformação mas, embora seja importante acompanhar estas mudanças, o fundamental enquanto estratega está em perceber se fazem ou não sentido para a nossa audiência e negócio.


Pesquisa de Voz: dados e cauda longa

peter meyers - marketing

PETER MEYERS
MARKETING SCIENTIST @MOZ

logo moz

Ver Peter no LinkedIn

À medida que as pesquisam por voz em smartphones e os dispositivos de voz crescem, as pessoas tornam-se mais confortáveis com pesquisas com palavras mais longas, em linguagem natural.
Essa tendência levou o Google a reconstruir completamente o seu algoritmo de pesquisa (para todas as pesquisas, não apenas a voz), mas a focar-se mais nos recursos que especificamente respondem a perguntas.

Embora a maioria das marcas não precise se apressar para criar uma aplicação ou conteúdo de voz específico, é vital que percebam como a linguagem natural está a alterar a pesquisa. Ter os dados necessários para rastrear frases e perguntas de cauda longa e afastar-se de um foco estreito nos chamados termos “principais”.

Isso não apenas representa uma mudança na pesquisa de palavras-chave, mas na criação e estratégia de conteúdo. A capacidade do Google compreender a linguagem natural e o significado do processo só será acelerada.


Inteligência Artificial, LGPD e 5G

Sandra Turchi

SANDRA TURCHI
CEO @DIGITALENTS CEO at Digitalents, MBA Professor


Ver Sandra no Linkedin

Dentre as principais tendências para 2020 eu cito o maior uso de Inteligência artificial, facilitando o acesso e otimizando processos.

Juntamente com a maior preocupação com o uso de dados dos consumidores, a exemplo do que ocorreu na Europa, o Brasil implantará a sua lei nesse ano (LGPD), exigindo diversas adaptações das companhias. 

Cresce também, de forma substancial, o uso de estratégias em vídeo, como já vinha ocorrendo, mas de forma ainda mais dinâmica e pouco elaborada, assim como cresce o uso de buscas por voz. 

E por fim, impossível não citar a tecnologia 5G, que continuará como tendência, pois não há previsões para o Brasil ainda.

Eu indico como leitura o meu livro:  ESTRATÉGIAS DE MARKETING DIGITAL E E-COMMERCE, 2a edição (2018).

Links para Consulta
-> sandraturchi.com.br
-> digitalents.com.br
-> academiadomarketing.com.br


Mais Marketing e a integração dos canais

VITOR PEÇANHA
Co-Fundador Rock Content

rock content logo

Ver Vitor no Linkedin

Minha principal recomendação estratégica para 2020 é para os profissionais de marketing digital focarem muito mais na parte do “marketing” do que nas ferramentas digitais.

Estamos em um momento profissional em que as barreiras entre o que é marketing de conteúdo e marketing tradicional estão caindo. Bons profissionais de marketing já estão trabalhando todos os canais de maneira integrada, sempre focado na premissa de entregar um conteúdo útil. 

Utilidade, quando falamos de conteúdo, é entregar o que a audiência precisa no momento certo. Logo, um anúncio em mídia paga pode ser considerado conteúdo útil da mesma forma que um blog post, desde que apareça para o público no momento que ele quer comprar.

De um ponto de vista mais tático, sugiro sempre que os profissionais façam muito uso de pesquisas de palavras-chave, com ferramentas como o SEMRush, mas sempre lembrando de entender a intenção do público.

Veja mais sugestões para 2020 neste artigo <


Espero que este artigo tenha sido útil.
Se precisar de ajuda com suas iniciativas de marketing digital, veja o Curso Certificado e Intensivo de Marketing Digital, ou as soluções de consultoria da DIGITALFC