Press enter to see results or esc to cancel.

5 formas para personalizar e impulsionar o seu email-marketing

Na era da personalização dispomos de uma grande abundância de dados ao nosso alcance.
As marcas têm investido em diferentes ferramentas tecnológicas, com a finalidade de aumentar as suas taxas de conversão.
Neste artigo quero partilhar aquela que, para mim, é a ferramenta mais poderosa: o email marketing.

O último estudo da EConsultancy definiu o e-mail como um dos canais de comunicação mais importantes, à frente dos canais de publicidade em termos de ROI (retorno do investimento).

O email permite que as empresas se aproximem do utilizador de forma personalizada, estabelecendo um relacionamento adaptado aos gostos de cada cliente, graças às inovações de plataformas , sem implicar muito mais tempo para a gestão de marketing.

Um estudo da Forester Consulting aponta que apenas 5% das empresas usam estratégias de marketing com ações de personalização de conteúdos de acordo com o perfil do cliente.

A personalização não é simplesmente colocar o nome do utilizador no assunto ou no texto do e-mail, conforme exemplo abaixo,

personalizacaobasica

 

Veja outras 5 formas para implementar e impulsionar o seu e-mail marketing.

1 Fazer as perguntas certas

Uma maneira simples e eficaz para segmentar o público e aplicar a personalização, é fazer as perguntas certas. Reconhecer que nem todas as pessoas visitam o nosso site pelo mesmo motivo, mas infelizmente todas são impactadas da mesma forma. Para combater isto, devemos desenvolver uma estratégia, onde o utilizador entre no site ou landing page e veja uma pergunta simples que, numa estratégia de planeamento, permita alinhar e-mails mais personalizados e segmentar automaticamente em listas diferentes;

sms
Exemplo do site http://www.spotpublicitario.com

 

Perguntar aos clientes a razão que os levou a visitar o site e, num segundo passo, solicitar o seu email, pode ser muito fácil e tem valor inestimável.
Repare que no caso acima só existem duas respostas possíveis: “Sim” ou “Não”. Conforme a resposta, o utilizador será direcionado para uma lista de emails apropriada, já que no segundo passo vai finalizar esta sequência, com o convite a inserir o email.
autoresponder-1
O utilizador que responder “Sim” recebe uma sequência de emails, com maior enfoque em aspectos comerciais e funcionamento da plataforma para criar e enviar SMS. O utilizador que responder “Não”, provavelmente, recebe uma sequência de emails, com maior enfoque educional sobre SMS Marketing e só mais tarde é feita a conotação para a lado comercial.

Veja outro exemplo, com uma pergunta:

bouncedexchange
Exemplo bouncedexchange.com

 

Criar segmentos com base nas necessidades dos assinantes, baseadas em informações de perfil, de geolocalização, histórico de compras e muito mais, permite alinhar conteúdos para os subscritores da sua newsletter e potenciar uma melhor taxa de abertura, tendo em consideração a relevância pela personalização.

 

2 Faça uso do fuso horário, local e hora;

Não é nenhum segredo que existem certas horas do dia que podem impactar de forma significativa a abertura do email.
Um email enviado às 8:00h, numa terça-feira, pode ter melhor taxa de abertura ou avaliar que a melhor resposta ao email enviado surge às 17:00h. É provável que nem todos os seus clientes estejam num único local e respondam a emails ao mesmo tempo. Se considerar uma lista de contatos com geografia mundial, é necessário ter em consideração o fuso horário, local e hora de envio, uma vez que estas variáveis fazem a diferença quando estamos a falar de mensagens que implicam ações com base no tempo.

autoresponder-3Mensagens automatizadas para receber novos utilizadores, desejar-lhes um feliz aniversário, ou até um pós-venda, follow-up ou informá-los sobre o novo conteúdo que corresponde ao seu histórico de compras.

Alguns dos items acima enunciados foram feitos pela marca de Tshirts BustedTees , num caso de estudo partilhado pela empresa MarketingSherpa.
Em breves palavras, a BustedTees segmentou os seus subscritores em fusos horários diferentes, com o objetivo de enviar e-mails para chegar às caixas de entrada às 10:00h de cada fuso horário. Usaram os dados de cada cliente, analisaram o histórico de aberturas do subscritor e enviaram um e-mail no momento mais adequado, para que o utilizador o abrisse no melhor momento de acordo com a estatística.

As vendas reflectiram-se num aumento de 8% na receita, provando que o tempo é de vital importância no envio de e-mails.

 

3 Cross Channel e Automatização da personalização

Conteúdo super-personalizado pode também ser implementado como parte de um cross channel. Por exemplo, uma empresa que vende produtos eletrónicos regista o email dos clientes na loja e os detalhes da compra na base de dados. Alguns dias depois, pode enviar um email de agradecimento pela compra, acrescentando um sugestão de cross-sell ou up-sell para orientar o cliente para uma nova compra. Como dados adicionais presentes no email pode figurar o nome/morada loja onde o cliente fez a última compra e a pessoa que o atendeu.

A partir do email-marketing inúmeras informações da base de dados de uma empresa podem ser usadas como parte de uma personalização integrada para automatizar o comportamento de compra, valorizando o ciclo de vida do cliente ou potencial cliente.

 

4

 Emails agendados por comportamento

Emails enviados com base em comportamentos funcionam como reações em tempo real à forma como os nossos clientes estão a usar um produto.

autoresponder-2Se durante 5 dias se ausentar do Facebook, a plataforma social vai enviar-lhe um email baseado nesse comportamento (ausência), para captar a sua atenção.

Baseado em áreas onde o controlo é feito via login/password, o seu trabalho está facilitado para através do CRM, avaliar o comportamento dos utilizadores e propor um email de agradecimento pelo registo, email de compora, up-selling, cross-selling, email de boas vindas, email para relembrar algum item da plataforma e muitos outros exemplos para criar a necessidade;
A tecnologia do HubSpot, ExactTarget, ou os serviços da Experian, através do CheetahMail’s, são recomendados se desejar explorar estes items para a sua empresa;

Numa outra vertente pode alinhar a segmentação dos seus emails num comportamento baseado na acção através do click no link da newsletter. Se o utilizador clicar num determinado link, automáticamente recebe um outro email (ou sequência deles), deixando o processo de comunicação automatizado, alinhado com a estratégia de marketing ou de vendas para a sua marca.
A tecnologia da E-Goi e MailChimp têm estas funções, com fácil configuração:

 

5 Adequear o email com a Landing Page

Apesar de personalizar os emails, se vai canalizar trágefo do seu email-marketing para uma Landing Page, a imagem gráfica da página deve ser semelhante, de forma a proporcionar uma experiência unificada e alinhar o conteúdo personalizado, tendo em conta a base em dados.

consistent

No fundo, é necessário realinhar o planeamento da campanha de tráfego e enviar ao utilizador aquilo que realmente lhe interessa e da forma que ele deseja receber.

Peter Drucker

“O sentido do marketing é compreender o cliente de tal maneira que produtos e serviços sejam comprados, e não vendidos.”

 

A combinação entre três elementos (conteúdo, cliente e timing) aumenta as possibilidades para conseguir uma melhor taxa de conversão, com destaque para acções como promoções personalizadas, confirmações de compra com o produto selecionado, recomendações similares de acordo compras realizadas, entre outras infinitas possibilidades.

Se quer maximizar os seus esforços de marketing, deve pensar no email-marketing como uma forma de aumentar o seu tráfego, criar melhores dinâmicas de conversão ou, se preferir, de engagement com os seus clientes e potenciais clientes.

Comments

Comments are disabled for this post